Home / Mulher Materna / Saúde e bem-estar – Atitudes simples que trazem conforto a bordo

Saúde e bem-estar – Atitudes simples que trazem conforto a bordo

crianca-no-aviao-01

Muitas vezes crianças e bebês estão fazendo a sua primeira viagem de avião. Por isso, a mudança de pressão na cabine pode se tornar um grande incômodo e assustá-las. À medida que uma aeronave decola, a pressão do ar dentro da cabine diminui gradualmente até atingir o nível que será mantido durante o restante do voo (em altitude de cruzeiro). Como essa pressão do ar será mais baixa do que era quando o avião estava no nível do chão, isso significa que será necessário liberar um pouco do ar preso do ouvido interno.

 

Para isso, você pode ensinar seus filhos a engolir e a bocejar, quando seus ouvidos estiverem entupidos. Além disso, se você amamenta ou já oferece mamadeira e se a criança já tem idade suficiente para mascar chiclete, essas são outras alternativas corriqueiras, que podem acalmá-los durante a viagem.

 

A hidratação é outro ponto de atenção a bordo. O ar da cabine é mais seco, por isso sentimos certo incômodo. Ofereça líquidos aos pequenos, cremes hidratantes, protetores labiais e lenços umedecidos também ajudam a aliviar a sensação de ressecamento da pele. É importante lembrar aos mais velhos, não utilizar lentes de contato a bordo para evitar irritações nos olhos.

 

Gestantes devem ter atenção redobrada com a desidratação, que pode fazer com que o sangue “engrosse”, dificultando o seu fluxo. Esse fator associado às longas horas em uma mesma posição, podem levar a um quadro de Trombose Venosa Profunda (TVP), que consiste no surgimento de coágulos no sangue, especialmente nas pernas, e pode avançar para um quadro grave de saúde.

 

É importante que mulheres grávidas chequem previamente com um profissional médico se a utilização de meias de compressão é indicada para elas. Além disso, pequenas ações como caminhar a cada 15-30 minutos, utilizar roupas mais largas e confortáveis, fazer exercícios de alongamento e intercalar a posição a cada cochilo, contribuem com a prevenção.

 

Antes de viajar de avião, é importante que gestantes consultem seu médico.  Dependendo do local de destino, pode ser necessário algum tipo de imunização. Além disso, durante um voo intercontinental, somos expostos a um certo grau de radiação cósmica, que pode ser comparado à quantidade de radiação emitida por um raio-x da região peitoral, por isso é interessante que mulheres grávidas evitem voos frequentes.  No entanto, isso não significa que eles são proibidos. Mulheres próximas ao nono mês ou 36 semanas de gravidez realmente não devem pegar nenhum voo, mas com a liberação médica, é apenas indicado que a mulher leve consigo uma autorização, pois as companhias aéreas, em geral, costumam solicitá-las antes do embarque.

Fonte: Air France/KLM

Deixe seu comentário

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Scroll To Top