Home / Bem Estar / Diabetes Tipo 2, uma doença que a consciência pode evitar

Diabetes Tipo 2, uma doença que a consciência pode evitar

diabetes_trabalhos_escolares1

Em 10 anos, a quantidade de brasileiros diagnosticados com a doença aumentou em mais de 60%, saltando de uma incidência de 5,5% para 8,9% da população. Os dados foram apurados pelo Ministério da Saúde, por meio da pesquisa de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel), e se referem ao período entre 2006 e 2016.

“O preocupante avanço do diabetes, fenômeno mundial decorrente de maus hábitos alimentares e sedentarismo, evidencia a importância da prevenção”, enfatiza Alexandre Chieppe, diretor médico da MedLevensohn, explicando: “90% dos casos da doença são do Tipo 2, cujas principais causas são alimentação errada, obesidade/sobrepeso, falta de atividade física e consumo excessivo de álcool. Há, também, um fator genético, mas a adoção de uma rotina mais saudável reduziria de modo muito significativo a incidência”. O diabetes Tipo 1, enfermidade autoimune, aparece na infância e adolescência.

“Ou seja, a conscientização poderia diminuir muito as estatísticas epidemiológicas, pois se trata de um agravo que, em grande parte, as pessoas poderiam evitar, simplesmente adotando hábitos cotidianos mais saudáveis”, pondera Chieppe, alertando: “A luta contra a enfermidade é premente, pois as consequências são graves, como cegueira, impotência sexual e dificuldade de cicatrização de feridas e lesões. Além disso, o diabetes é uma das principais causas das doenças cardiovasculares, as que mais matam no Brasil e no mundo”.

Controle e tratamento
A prevenção é fundamental, mas quando a doença aparece, seja do Tipo 1 ou 2, é decisivo o diagnóstico correto e o início imediato do tratamento. Uma vez constatado, o diabetes exige acompanhamento médico e controle ao longo de toda a vida, pois é uma enfermidade crônica.

O diretor médico da MedLevensohn explica ser necessário manter os pacientes permanentemente equilibrados no tocante aos níveis de açúcar no sangue. Há casos em que isso pode ser feito com êxito apenas com dietas adequadas e exercícios físicos, mas também há muitas pessoas que necessitam de medicamentos, incluindo a insulina, injetada pelo próprio paciente, conforme orientação médica.

O controle dos níveis glicêmicos também pode ser feito pelo próprio paciente e familiares em casa. Uma das soluções práticas, seguras e de baixo custo para isso é o On Call Plus II, aparelho que permite monitorar com precisão e rapidez a quantidade de açúcar no sangue, possibilitando o controle domiciliar e o envio das informações corretas ao médico, para que ele faça o acompanhamento dos seus pacientes.

A empresa MedLevensohn tem, ainda, uma segunda opção para aqueles pacientes que além do diabetes são diagnosticados também com colesterol elevado e necessitam monitorá-lo. Trata-se do Luna Duo, um equipamento que através de dois tipos de tiras reagentes realiza a medição da Glicemia e do Colesterol Total.

Sobre a MedLevensohn
Distribuidora brasileira especializada em saúde, que oferece, além de sistema de testes rápidos, produtos e serviços que auxiliam no diagnóstico, monitoramento e tratamento de doenças cardiovasculares, diabetes, hipertensão arterial, colesterolemia e Acidente Vascular Cerebral (AVC).

No mercado há mais de 15 anos, é distribuidora e importadora Master Dealer, referência de alta tecnologia, segurança, agilidade e preço competitivo na promoção da qualidade de vida e bem-estar de seus clientes e parceiros. Em 2019, conquistou a marca de um bilhão de tiras de glicemia On Call Plus distribuídas no Brasil. Isso torna a empresa a maior distribuidora da fábrica Acon no mundo, superando, inclusive, companhias chinesas.

Está presente em todo o território nacional, por meio da sua Rede de Distribuição. Possui sede no Rio de Janeiro, um Centro de Distribuição em Serra (ES) e filiais em São Paulo e Belo Horizonte. Também presta serviços em nível nacional para órgãos públicos, setor hospitalar, varejista e público médico.

Deixe seu comentário

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Scroll To Top