Home / Manual do Crescidinho / 1 a cada 400-500 crianças tem um tipo de artrite

1 a cada 400-500 crianças tem um tipo de artrite

 

artrite-infantil-menina-dor-maso-1

“Estima-se que 1 a cada 400-500 crianças tenha um tipo de artrite – porém, os números podem ser ainda maiores”,  conta o reumatologista pediátrico Claudio Len, professor da Escola Paulista de Medicina da Universidade Federal de São Paulo. Em outras palavras, a doença não é tão frequente, mas tampouco é rara…

Muita gente não sabe, mas crianças pequenas e adolescentes podem sofrer com uma doença reumática –  a doença inflamatória que causa dores, calor e inchaço nas articulações e, eventualmente, em outras partes do corpo. A mais comum delas é a artrite idiopática juvenil. Assim como nos adultos que têm artrite reumatoide, a inflamação nas juntas é a característica principal, embora em alguns casos a dor seja mínima.

Os pais devem ficar atentos se, de repente, o filho deixar de realizar atividades rotineiras por causa do incômodo, e até deixar de se alimentar. Existem três tipos principais de apresentação dos sintomas: na artrite idiopática juvenil oligoarticular, são acometidas até quatro articulações, sendo joelhos e tornozelos as mais frequentes. Nesses casos, também é comum os pacientes terem uveíte, uma inflamação nos olhos que exige avaliações oftalmológicas regulares. No tipo poliarticular, cinco ou mais articulações são afetadas e pode haver febres ocasionais. Já no tipo sistêmico, a febre é alta, com um ou dois picos diários, e ainda pode ocorrer dor no peito, dificuldade para respirar, aumento do fígado e do baço.

A causa exata da Artrite Idiopática Juvenil ainda não é conhecida. Fatores imunológicos, genéticos e infecciosos estão envolvidos. Estudos recentes mostram que existe uma certa tendência familiar e que alguns fatores externos, como certas infecções virais e bacterianas, o estresse emocional e os traumatismos articulares podem atuar como desencadeantes da doença. A artrite não é uma doença infecto-contagiosa e os pacientes podem (e devem) frequentar normalmente creches, escolas, clubes e piscinas.

Deixe seu comentário

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Scroll To Top