Home / Diário Materna / “Hoje O Escuro Vai Atrasar Para Que Possamos Conversar” Estreia Temporada

“Hoje O Escuro Vai Atrasar Para Que Possamos Conversar” Estreia Temporada

Primeira peça infantil do Grupo XIX de Teatro leva o público a uma jornada de conhecimento e diversão em um mundo de sonhos

Cena de Hoje o Escuro vai Atrasar para que Possamos Conversar | Foto divulgação

 

Até 27 de abril, o grupo XIX de teatro apresenta no Sesc Pompeia a peça infantil Hoje o Escuro vai Atrasar para que Possamos Conversar.

É o primeiro espetáculo infantil do grupo, que vem se destacando na cena teatral com espetáculos premiados voltados ao público adulto. Hoje O Escuro Vai Atrasar Para Que Possamos Conversar tem o processo criativo livremente inspirado pelo romance De Repente, Nas Profundezas do Bosque, do escritor israelense Amós Oz.

A peça se passa em um triste vilarejo onde não vivem mais animais, nem domésticos e nem  silvestres. Algo muito estranho aconteceu no passado que provocou a fuga dos bichinhos e os
transformou em seres quase mitológicos, lembrados apenas nas aulas da professora Rafaela. Nesse lugar misterioso, vivem os colegas Santi, Clara e Luna, que, depois de sofrer bullying de seus colegas também desapareceu. Desconfiados de que Luna teria sido raptada pelo Espírito do “não-sei-o-quê” do bosque, Santi e Clara partem floresta a dentro em busca da amiga.

A encenação apresenta ao público delicados temas discutidos pela obra de Amós Oz, como os
efeitos da discriminação e do tratamento indesejado, como o bullying isola as pessoas e a consciência de que o “outro” também tem medos, fragilidades e inseguranças. A ideia é fazer
com que as crianças entendam a alteridade como uma extensão do eu, desconstruir o processo vicioso de desqualificação de um indivíduo por causa de suas diferenças e mostrar que as pessoas formam juntas as conexões do tecido social de uma comunidade.

“Queríamos discutir como desmontar uma estrutura normativa que permite a perpetuação desse mecanismo de opressão social na escola. Eu também me inspirei na minha própria história, pois fui vítima de bullying e vivenciei esse sistema opressor. E, na época, não havia uma estrutura para discutir isso, em nenhuma instância. O bullying era tratado como algo normalizado dentro daquele universo”, comenta o autor Ronaldo Serruya.
SOBRE O GRUPO XIX DE TEATRO 
Desde 2001 o Grupo XIX de Teatro desenvolve a pesquisa autoral que deu origem aos espetáculos Hysteria, Hygiene, Arrufos, Marcha Para Zenturo (em parceria com o Grupo Espanca), Nada Aconteceu, Tudo Acontece e Tudo Está Acontecendo, Estrada do Sul (em parceria com o Teatro Dell’Argine) e Teorema 21. A exploração de espaços não-convencionais, a criação colaborativa e a relação direta com o público nas encenações são elementos constitutivos dessa trajetória.

Em 2005 o grupo foi indicado ao Prêmio Shell de Teatro na categoria especial pela intervenção artística na Vila Maria Zélia. Ao longo de sua trajetória acumula entre prêmios e indicações mais de 15 menções nos principais prêmios do país: Shell, APCA, Cooperativa Paulista de Teatro, Bravo!, Qualidade Brasil entre outros.

O grupo já percorreu no exterior 21 cidades em 5 países (Europa: Portugal, Inglaterra, Itália e França; África: Cabo Verde). Em 2005, o grupo cumpriu uma temporada de dois meses de Hysteria por 8 cidades francesas por ocasião do “L’année du Brésil en France”. Em junho de 2008 a peça cumpriu temporada no renomado Barbican Center de Londres na Inglaterra e, em 2009 o grupo foi convidado pelo Contact de Manchester para dirigir o espetáculo de formatura da instituição.

Em 2012, o Grupo participou da mostra São Palco, idealizada pelo O Teatrão, em Coimbra, Portugal e participou do Festival La scenna dell’incontro, em Bologna, Itália em parceria com o ITC e o Teatro dell’Arginne. Em 2013 o grupo participou do Ano do Brasil em Portugal por 5 cidades.

Desde de 2004, o grupo realiza residência artística na Vila Maria Zélia na Zona Leste de São Paulo. A “Vila” é hoje um espaço de pesquisa, difusão e formação que abriga projetos como os Núcleos de Pesquisa que acolhem anualmente cerca de cem artistas, além de diversos espetáculos e oficinas. Com esta ação contínua o grupo tem conseguido criar uma relação com o público da cidade de São Paulo que vai além de suas próprias peças e transborda o meio teatral fazendo parcerias com as áreas do cinema, das artes plásticas, dança, fotografia, arquitetura e história. Este trabalho só é possível graças aos subsídios públicos com os quais o grupo vem contando de forma intermitente em sua trajetória.

Em 2017, o grupo contou com o apoio da Lei de Fomento ao Teatro para a Cidade de São Paulo para o projeto A Estufa e Cidade, resultando na montagem do espetáculo-performance itinerante Intervenção Dalloway: Rio dos Malefícios do Diabo.

Ficha técnica:
Criação: Grupo XIX de Teatro
Direção: Luiz Fernando Marques e Rodolfo Amorim
Dramaturgia: Ronaldo Serruya
Atores-criadores: Janaina Leite, Juliana Sanches, Ronaldo Serruya, Rodolfo Amorim, Tarita de Souza
Trilha Sonora: Tarita de Souza
Figurinos: Juliana Sanches
Cenário: Luiz Fernando Marques e Rodolfo Amorim
Adereços: Felipe Cruz (Bosque) e Juliana Sanches (Aldeia)
Cenotécnico: Zé Valdir
Costureiro: Otávio Matias
Produção: Cristiani Zonzini e Gabi Costa
Desenhos material gráfico: Ligia Yamaguti
Material gráfico: Rodrigo Pocidônio
Fotos, vídeos, mídias sociais e produção visual: Jonatas Marques
Assessoria de Imprensa: Adriana Balsanelli
SERVIÇO:
Hoje o Escuro Vai Atrasar para que Possamos Conversar
De 2 de março a 27 de abril de 2019, sábados, ao meio-dia
Com grupo XIX de Teatro

Ingressos: R$5 (credencial plena/trabalhador no comércio e serviços matriculado no Sesc e dependentes), R$8,50 (pessoas com +60 anos, estudantes e professores da rede pública de ensino) e R$17 (inteira).

Venda presencial nas unidades do Sesc SP a partir de 20 de fevereiro, quarta-feira, às 17h30.

Classificação indicativa: Livre

Duração: 60 minutos

Sesc Pompeia – Rua Clélia, 93.

Não temos estacionamento. Para informações sobre outras programações, acesse o portal sescsp.org.br/pompeia

Nos acompanhe!
instagram.com/sescpompeia
facebook.com/sescpompeia
twitter.com/sescpompeia

Deixe seu comentário

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Scroll To Top