Home / Sempre Paterna / Fertilidade X Virilidade

Fertilidade X Virilidade

homem-casal-briga-separacao-1216-1400x800

Especialista explica que a infertilidade também acomete os homens. Mas a medicina reprodutiva permite realizar sonho o de ser pai

Ainda há uma grande confusão relacionada à virilidade – capacidade que o homem tem de ter uma ereção e a fertilidade – capacidade de engravidar uma mulher. Existem homens viris e férteis, mas também viris e inférteis. Segundo o especialista em fertilização da Clínica Origen – referência em reprodução assistida na América Latina – Marcos Sampaio, a infertilidade masculina requer atenção assim como tabus e pré-conceitos devem ser desconstruídos. “A saúde reprodutiva do homem merece cuidados e deve ser acompanhada com visitas ao urologista e/ou andrologistas”, alertou.

Marcos Sampaio explicou que em diversas situações, a causa da infertilidade é facilmente identificada. “Em 20-40% das vezes os casais ficam sem diagnóstico específico. Esses casos são chamados de infertilidade sem causa aparente. E são essas situações que abrem campo para os mitos. Em 50% dos casos de infertilidade masculina, não é possível identificar um diagnostico preciso ou mesmo a causa mais frequente” explicou.

Para ele, a varicocele – doença vascular (varizes nas veias testiculares) é um bom exemplo. “Ainda não existe consenso se ela causa ou se é concomitante com a infertilidade”, ponderou.

Mitos e preconceitos

O especialista lembra que um exemplo de mito muito comum é quando se acredita que o homem perde o interesse sexual e a virilidade após uma cirurgia de vasectomia – procedimento cirúrgico para esterilização masculina. E outro preconceito ocorre no convívio social, quando um homem se diz infértil e o fato é associado à sua virilidade.

Para Marcos, o mais importante é lembrar a todos que, de fato não existe relação entre capacidade sexual e reprodutiva, uma vez que a libido é regulada basicamente pelo psicológico e do ponto de vista bioquímico, por hormônios como testosterona e prolactina. “Estes, muito raramente estão alterados e quando estão nem sempre levam a infertilidade. Causas vasculares de impotência na maioria das vezes aparece em homens já com a vida reprodutiva definida pois esta associada a idade ou pode ocorrer em doenças metabólicas como o diabetes”, explicou.

O especialista ressalta que, para casos de infertilidade, a medicina reprodutiva dispõe de recursos para realizar o sonho da paternidade. “Nos últimos anos, as técnicas de reprodução assistida avançaram muito. Podemos trabalhar com diversas possibilidades para auxiliar os casais inférteis e os homens que querem ser pais”, considerou.

Fonte: Clínica Origen

A Clínica Origen é referência em Reprodução Assistida em toda a América Latina. Há mais de 20 anos, a clínica investe em um alto padrão tecnológico e em pesquisas científicas da Medicina Reprodutiva, sendo pioneira, no Brasil, na realização de procedimentos, como o Diagnóstico Genético Pré-Implantação (PGD) e a Transferência de embriões em estágio de blastocisto. A Origen conta com uma equipe médica multidisciplinar, com atuação em diversas áreas da Medicina Reprodutiva e estudos reconhecidos em todo o mundo. Ao todo, a clínica conta com nove unidades nos Estados de Minas Gerais e Rio de Janeiro.

Deixe seu comentário

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

'
Scroll To Top