Home / Bem Estar / A saúde bucal da futura mamãe

A saúde bucal da futura mamãe

saude_bucal

Durante a gestação muito se fala sobre riscos de gengivite induzir o trabalho de parto de forma prematura e outras complicações que podem ser afetadas pela saúde bucal.

A Dra Maria Cristina, gerente operacional e cirurgiã dentista da operadora INPAO Dental, esclarece cinco das principais dúvidas sobre o assunto, confira:

Que problemas bucais podem ocorrer durante a gravidez?

Os problemas mais comuns são a gengivite e cáries em geral, devido ao aumento no consumo de alimentos, especialmente doces e carboidratos. A dificuldade que a grávida possui em fazer higiene adequada devido aos enjoos também deve ser levada em consideração. Além disso, pode ocorrer maior sensibilidade gengival, em decorrência das alterações hormonais que acontecem neste período.

A saúde bucal pode afetar a gravidez?

A gravidez causa flutuações hormonais e isso aumenta o risco de gengivite e agravamento de doença periodontal preexistente. As bactérias existentes nesse tipo de doença podem cair na circulação sanguínea e se espalharem por todo o corpo. Porém, essa doença não é a responsável pela perda de dentes.

O que é recomendado para uma gestante fazer nesse período?

Gestantes podem e devem receber tratamento odontológico, especialmente o preventivo. As consultas periódicas, a profilaxia (limpeza), a aplicação tópica de flúor (se necessário) e orientações de higiene oral e de dieta alimentar são muito importantes.

Existe algum procedimento que a gestante deve evitar durante a gravidez?

Na maior parte dos casos, devem-se evitar radiografias, anestésicos dentais, medicação contra a dor e antibióticos (especialmente a tetraciclina) durante o primeiro trimestre da gravidez, a não ser que sejam absolutamente imprescindíveis.

Como se prevenir de problemas odontológicos durante a gravidez?

É preciso escovar os dentes sempre após as refeições. A utilização diária de fio dental torna-se imprescindível, pelo menos antes de dormir. Também a redução no consumo de doces e o aumento na ingestão de alimentos integrais, verduras e frutas secas é uma medida bastante recomendável.

Deixe seu comentário

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Scroll To Top